terça-feira, 9 de julho de 2013

A SOLIDARIEDADE



                                               A  SOLIDARIEDADE


     José era mecânico. Qualquer coisa que acontece nas máquinas, José conserta. Mas José seria incapaz de fazer um vestido, ou mesmo cozinhar um almoço. Até a meia sola do sapato quem põe é o sapateiro da esquina.

     Outro dia, José conversava com o sapateiro. Este lhe disse: “Graças a Deus a freguesia tem aumentado. Já sou um homem independente”. Quando acabou de dizer isso, a máquina de costurar o couro enguiçou. A agulha não saía do lugar. Bernardo, o sapateiro, ficou assustado. E agora?

     Sem aquela máquina, que seria dele? Ainda bem que José estava ali. Virou, mexeu, torceu uns parafusos... e a máquina funcionou!

     Bernardo enxugou o suor e, virando para José, disse: “Que sorte você estar aqui, José. Sem você eu estaria frito.” José, sorriu e, só para implicar com o Bernardo, perguntou: “Mas Bernardo, você não estava dizendo aí que, graças a Deus, você é hoje em dia um homem independente”?

     Bernardo ia falar. Chegou a abrir a boca, mas pensou melhor e ficou mudo. Sim, José tinha razão! Qual independência, qual nada!

     “Eu dependo do José para a máquina, pensava Bernardo. José depende de mim para o sapato. Nós dependemos dos agricultores para comer; das indústrias que fazem à roupa que vestimos. Enfim, todos dependem uns dos outros. Não devo um vintém a ninguém, mas dependo de toda essa gente, muita gente depende de mim!” Ficamos os dois ali conversando até tarde sobre a descoberta que tinham feito.

     Os homens são todos ligados uns aos outros. E não só os homens, os países também. Um produz borracha; outro, petróleo, o outro, milho. Uns tem bois, o outro tem curtume. Um tem bicho-da-seda, o outro tem fábricas.

     Essa coisa que liga os homens é a solidariedade.

     A solidariedade é a lei da vida.

     A paz é a única forma humana de se viver na Terra.
                                                                              (Sandra Cavalcanti

Caça ao tesouro

Nesse link, você encontra uma nova edição do Caça ao Tesouro https://wwwselmamascarenhas.blogspot.com/2018/10/caca-ao-tesouro.html