segunda-feira, 11 de julho de 2016

Correção do exercício sobre regência verbal

1) Assinale o erro de regência verbal.

a) Ele assistia com carinho os enfermos daquele hospital.
b) Não quero assistir esse espetáculo.  Não quero assistir a esse espetáculo
c) Carlos sempre assistiu em Belo Horizonte.
d) Não deixe de assistir àquele jogo.

2) Há erro de regência verbal na opção seguinte:

a) Aspirou profundamente o forte odor do café.
b) Ela não pode visar o passaporte.
c) Todos visam uma vida de paz. Todos visam a uma vida de paz
d) Ali as pessoas aspiravam à fama.

3) Aponte a frase que apresenta incorreção de regência verbal.

a) Mário pagou o carro.
b) A moça perdoou a indiscrição do colega.
c) Antônio deixou de pagar o ajudante ontem.
d) Perdoemos aos que nos ofendem.

4) Marque o erro de regência verbal.

a) Prefiro estudar que trabalhar. Prefiro estudar a trabalhar
b) À cerveja prefiro o leite.
c) Prefiro leite a cerveja.
d) Prefiro este nome àquele que ele propôs.

5) Está perfeita a regência verbal na alternativa:

a) O professor procedeu a chamada.
b) Sua permanência implicará grande prejuízo a todos.
c) Devemos obedecer o regulamento.
d) Irei na sua casa logo mais.

6) Está correta a regência da frase:

a) O filme que assistimos é excelente.
b) O emprego que aspirávamos era apenas um sonho.
c) O documento que visei era falso.

7) Reescreva as frases, substituindo os verbos grifados pelos que estão entre parênteses:

      a)  Eu gosto do aroma das flores. (aspirar)
Resp.  Eu aspiro o aroma das flores

      b) O jogador ambiciona o título. (aspirar)
Resp. O jogador aspira ao título

      c) O bombeiro cuidou do ferido. (assistir)
Resp. O bombeiro assistiu o ferido ou ao ferido

      d) Você viu o filme premiado ontem à noite? (assistir)
Resp, Você assistiu ao filme premiado ontem à noite?

      e) Ele segue as leis. (obedecer)
Resp. Ele obedece às leis.

       f) O governo sempre remunerou muito mal os professores. (pagar)
Resp. O governo sempre pagou muito mal aos professores

8) Nas orações a seguir, há casos de regência verbal em desacordo com a língua padrão. Reescreva as frases de acordo com a norma culta.

a) Lúcio namora com Roberta.
    Lúcio namora  Roberta

b) Obedeço os meus pais.
    Obedeço meus pais ou obedeço aos meus pais

c) Prefiro mais frutas do que doces.
    Prefiro frutas a doces

d) Hoje, vamos no cinema.
    Hoje, vamos ao cinema.

e) Débora aspirou ao aroma das flores.
    Débora aspirou o aroma das flores.

f) Prometo obedecê-lo de hoje em diante.
   Prometo obedecer-lhe de hoje em diante

h) Ele perdoou seus inimigos.
    Ele perdoou a seus inimigos

i) Mário pagou ao carro.
    Mário pagou o carro

9) Classifique os verbos em:

( 1 ) transitivos diretos
( 2 ) transitivos indiretos
( 3 ) transitivos diretos e indiretos



(   2     ) Assisti à luta.
(   1     ) Assisti a vítima.
(   1     ) Eu o convidei.
(   3     ) Demos pão ao pobre.
(   3     ) Demos-lhe comida.

(   1    ) Nós a prevenimos.
(   2   ) A neta lhe obedece.
(   3   ) Perdoei-lhe a dívida.
(   1    ) Ela os advertiu.
(   2    ) Todos gostam dela.





Correção do exercício sobre regência verbal

1) Assinale o erro de regência verbal.

a) Ele assistia com carinho os enfermos daquele hospital.
b) Não quero assistir esse espetáculo.  Não quero assistir a esse espetáculo
c) Carlos sempre assistiu em Belo Horizonte.
d) Não deixe de assistir àquele jogo.

2) Há erro de regência verbal na opção seguinte:

a) Aspirou profundamente o forte odor do café.
b) Ela não pode visar o passaporte.
c) Todos visam uma vida de paz. Todos visam a uma vida de paz
d) Ali as pessoas aspiravam à fama.

3) Aponte a frase que apresenta incorreção de regência verbal.

a) Mário pagou o carro.
b) A moça perdoou a indiscrição do colega.
c) Antônio deixou de pagar o ajudante ontem.
d) Perdoemos aos que nos ofendem.

4) Marque o erro de regência verbal.

a) Prefiro estudar que trabalhar. Prefiro estudar a trabalhar
b) À cerveja prefiro o leite.
c) Prefiro leite a cerveja.
d) Prefiro este nome àquele que ele propôs.

5) Está perfeita a regência verbal na alternativa:

a) O professor procedeu a chamada.
b) Sua permanência implicará grande prejuízo a todos.
c) Devemos obedecer o regulamento.
d) Irei na sua casa logo mais.

6) Está correta a regência da frase:

a) O filme que assistimos é excelente.
b) O emprego que aspirávamos era apenas um sonho.
c) O documento que visei era falso.

7) Reescreva as frases, substituindo os verbos grifados pelos que estão entre parênteses:

      a)  Eu gosto do aroma das flores. (aspirar)
Resp.  Eu aspiro o aroma das flores

      b) O jogador ambiciona o título. (aspirar)
Resp. O jogador aspira ao título

      c) O bombeiro cuidou do ferido. (assistir)
Resp. O bombeiro assistiu o ferido ou ao ferido

      d) Você viu o filme premiado ontem à noite? (assistir)
Resp, Você assistiu ao filme premiado ontem à noite?

      e) Ele segue as leis. (obedecer)
Resp. Ele obedece às leis.

       f) O governo sempre remunerou muito mal os professores. (pagar)
Resp. O governo sempre pagou muito mal aos professores

8) Nas orações a seguir, há casos de regência verbal em desacordo com a língua padrão. Reescreva as frases de acordo com a norma culta.

a) Lúcio namora com Roberta.
    Lúcio namora  Roberta

b) Obedeço os meus pais.
    Obedeço meus pais ou obedeço aos meus pais

c) Prefiro mais frutas do que doces.
    Prefiro frutas a doces

d) Hoje, vamos no cinema.
    Hoje, vamos ao cinema.

e) Débora aspirou ao aroma das flores.
    Débora aspirou o aroma das flores.

f) Prometo obedecê-lo de hoje em diante.
   Prometo obedecer-lhe de hoje em diante

h) Ele perdoou seus inimigos.
    Ele perdoou a seus inimigos

i) Mário pagou ao carro.
    Mário pagou o carro

9) Classifique os verbos em:

( 1 ) transitivos diretos
( 2 ) transitivos indiretos
( 3 ) transitivos diretos e indiretos



(   2     ) Assisti à luta.
(   1     ) Assisti a vítima.
(   1     ) Eu o convidei.
(   3     ) Demos pão ao pobre.
(   3     ) Demos-lhe comida.

(   1    ) Nós a prevenimos.
(   2   ) A neta lhe obedece.
(   3   ) Perdoei-lhe a dívida.
(   1    ) Ela os advertiu.
(   2    ) Todos gostam dela.





Correção do exercício sobre regência verbal

1) Assinale o erro de regência verbal.

a) Ele assistia com carinho os enfermos daquele hospital.
b) Não quero assistir esse espetáculo.  Não quero assistir a esse espetáculo
c) Carlos sempre assistiu em Belo Horizonte.
d) Não deixe de assistir àquele jogo.

2) Há erro de regência verbal na opção seguinte:

a) Aspirou profundamente o forte odor do café.
b) Ela não pode visar o passaporte.
c) Todos visam uma vida de paz. Todos visam a uma vida de paz
d) Ali as pessoas aspiravam à fama.

3) Aponte a frase que apresenta incorreção de regência verbal.

a) Mário pagou o carro.
b) A moça perdoou a indiscrição do colega.
c) Antônio deixou de pagar o ajudante ontem.
d) Perdoemos aos que nos ofendem.

4) Marque o erro de regência verbal.

a) Prefiro estudar que trabalhar. Prefiro estudar a trabalhar
b) À cerveja prefiro o leite.
c) Prefiro leite a cerveja.
d) Prefiro este nome àquele que ele propôs.

5) Está perfeita a regência verbal na alternativa:

a) O professor procedeu a chamada.
b) Sua permanência implicará grande prejuízo a todos.
c) Devemos obedecer o regulamento.
d) Irei na sua casa logo mais.

6) Está correta a regência da frase:

a) O filme que assistimos é excelente.
b) O emprego que aspirávamos era apenas um sonho.
c) O documento que visei era falso.

7) Reescreva as frases, substituindo os verbos grifados pelos que estão entre parênteses:

a) Eu gosto do aroma das flores. (aspirar)
Resp.  Eu aspiro o aroma das flores

b) O jogador ambiciona o título. (aspirar)
Resp. O jogador aspira ao título

c) O bombeiro cuidou do ferido. (assistir)
Resp. O bombeiro assistiu o ferido ou ao ferido

d) Você viu o filme premiado ontem à noite? (assistir)
Resp, Você assistiu ao filme premiado ontem à noite?

e) Ele segue as leis. (obedecer)
Resp. Ele obedece às leis.

f) O governo sempre remunerou muito mal os professores. (pagar)
Resp. O governo sempre pagou muito mal aos professores

8) Nas orações a seguir, há casos de regência verbal em desacordo com a língua padrão. Reescreva as frases de acordo com a norma culta.

a) Lúcio namora com Roberta.
    Lúcio namora  Roberta

b) Obedeço os meus pais.
    Obedeço meus pais ou obedeço aos meus pais

c) Prefiro mais frutas do que doces.
    Prefiro frutas a doces

d) Hoje, vamos no cinema.
    Hoje, vamos ao cinema.

e) Débora aspirou ao aroma das flores.
    Débora aspirou o aroma das flores.

f) Prometo obedecê-lo de hoje em diante.
   Prometo obedecer-lhe de hoje em diante

h) Ele perdoou seus inimigos.
    Ele perdoou a seus inimigos

i) Mário pagou ao carro.
    Mário pagou o carro

9) Classifique os verbos em:

( 1 ) transitivos diretos
( 2 ) transitivos indiretos
( 3 ) transitivos diretos e indiretos



(   2     ) Assisti à luta.
(   1     ) Assisti a vítima.
(   1     ) Eu o convidei.
(   3     ) Demos pão ao pobre.
(   3     ) Demos-lhe comida.

(   1    ) Nós a prevenimos.
(     2   ) A neta lhe obedece.
(     3   ) Perdoei-lhe a dívida.
(  1      ) Ela os advertiu.
(    2    ) Todos gostam dela.





Exercícios - Regência verbal

1) Assinale o erro de regência verbal.

a) Ele assistia com carinho os enfermos daquele hospital.
b) Não quero assistir esse espetáculo.
c) Carlos sempre assistiu em Belo Horizonte.
d) Não deixe de assistir àquele jogo.

2) Há erro de regência verbal na opção seguinte:

a) Aspirou profundamente o forte odor do café.
b) Ela não pode visar o passaporte.
c) Todos visam uma vida de paz.
d) Ali as pessoas aspiravam à fama.

3) Aponte a frase que apresenta incorreção de regência verbal.

a) Mário pagou o carro.
b) A moça perdoou a indiscrição do colega.
c) Antônio deixou de pagar o ajudante ontem.
d) Perdoemos aos que nos ofendem.

4) Marque o erro de regência verbal.

a) Prefiro estudar que trabalhar.
b) À cerveja prefiro o leite.
c) Prefiro leite a cerveja.
d) Prefiro este nome àquele que ele propôs.

5) Está perfeita a regência verbal na alternativa:

a) O professor procedeu a chamada.
b) Sua permanência implicará grande prejuízo a todos.
c) Devemos obedecer o regulamento.
d) Irei na sua casa logo mais.

6) Está correta a regência da frase:

a) O filme que assistimos é excelente.
b) O emprego que aspirávamos era apenas um sonho.
c) O documento que visei era falso.

7) Reescreva as frases, substituindo os verbos grifados pelos que estão entre parênteses:

a) Eu gosto do aroma das flores. (aspirar)
___________________________________________________________________________
b) O jogador ambiciona o título. (aspirar)
___________________________________________________________________________

c) O bombeiro cuidou do ferido. (assistir)
________________________________________________________________________________
d) Você viu o filme premiado ontem à noite? (assistir)
________________________________________________________________________________
e) Ele segue as leis. (obedecer)
________________________________________________________________________________
f) Márcio gostava dela. (implicar)
________________________________________________________________________________
g) O governo sempre remunerou muito mal os professores. (pagar)
________________________________________________________________________________

8) Nas orações a seguir, há casos de regência verbal em desacordo com a língua padrão. Reescreva as frases de acordo com a norma culta.

a) Lúcio namora com Roberta.
________________________________________________________________________________
b) Obedeço os meus pais.
________________________________________________________________________________
c) Prefiro mais frutas do que doces.
________________________________________________________________________________
d) Hoje, vamos no cinema.
________________________________________________________________________________
e) Débora aspirou ao aroma das flores.
________________________________________________________________________________
f) Prometo obedecê-lo de hoje em diante.
________________________________________________________________________________
g) Preferimos trabalhar do que passar fome.
________________________________________________________________________________
h) Ele perdoou seus inimigos.
________________________________________________________________________________
i) Mário pagou ao carro.
________________________________________________________________________________

9) Classifique os verbos em:

( 1 ) transitivos diretos
( 2 ) transitivos indiretos
( 3 ) transitivos diretos e indiretos



(        ) Assisti à luta.
(        ) Assisti a vítima.
(        ) Eu o convidei.
(        ) Demos pão ao pobre.
(        ) Demos-lhe comida.

(        ) Nós a prevenimos.
(        ) A neta lhe obedece.
(        ) Perdoei-lhe a dívida.
(        ) Ela os advertiu.
(        ) Todos gostam dela.


 Atenção:
Respostas das questões  em outra postagem,


domingo, 10 de julho de 2016

dinâmicas que contribui para elevar a auto-estima dos alunos;

Técnica do anjo ou amigo oculto

·          
·         Leitura e interpretação de textos que levem à reflexão sobre os valores humanos, os comportamentos éticos e a formação do caráter, a partir de situações concretas e experiências vividas dentro e fora da sala de aula;

·          
Depois de certo tempo aplica a técnica do Anjo-

Cada aluno(a) recebe um papel com o nome de um colega o qual será anjo durante um determinado tempo. Escreve para o colega sempre palavras positivas e no dia combinado, diz quem é o amigo da unidade. Variações- Faz-se um grande mural na sala, decorado e cola envelopes grandes abertos e cada aluno vai escrevendo para um coleguinha. 
Outra dinâmica bem legal, que além de se valorizar as relações entre as pessoas é promover a leitura e a escrita na sala de aula, além de extrapolar os muros da escola. 
Busca-se uma parceira com outra escola e explica que cada aluno receberá um nome de um colega, que escreverá cartas durante um determinado período. Cria-se o retorno ao modo tradicional de correspondências via  correio. E, em dia combinado, as escolas promovem o Dia D,do encontro presencial,onde irão conhecer seu(ua) amigo(a). 
Obs: Promover um dia legal, 


com comidas e bebidas, músicas, mensagens de boas vindas as quais poderão ser produzidos pelos próprios alunos nas aulas de artes.

quarta-feira, 6 de julho de 2016

Sistema para detecção do Uso abusivo e dependência de substâncias Psicoativas

  O curso SUPERA (Sistema para detecção do Uso abusivo e dependência de substâncias Psicoativas:Encaminhamento, intervenção breve, Reinserção social e Acompanhamento) foi cuidadosamente elaborado por profissionais com grande experiência nas áreas de política sobre drogas, prevenção do uso e tratamento da dependência de crack, álcool e outras drogas. É promovido pela Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (SENAD) do Ministério da Justiça (MJ), oferecido gratuitamente por meio da parceria com aUniversidade Federal de São Paulo (UNIFESP), apoio da Associação Fundo de Incentivo à Pesquisa(AFIP) e executado na modalidade de Educação a Distância (EaD) pelas equipes da Unidade de Dependência de Drogas (UDED) do Departamento de Psicobiologia da UNIFESP e do Departamento de Informática em Saúde (DIS).




   Este curso é parte integrante das atividades do “Plano Integrado de Enfrentamento ao Crack e outras Drogas”, que tem por objetivo coordenar as ações federais de prevenção, tratamento, reinserção social do usuário de crack e outras drogas, enfrentar o tráfico em parceria com estados, municípios e sociedade civil, bem como prevê a ampla capacitação de profissionais das áreas de saúde e assistência social.


Aproveitem. Conhecimento nunca é demais.

Abaixo segue link onde podem ser efetuadas as inscrições para o curso.  Inscrições até 31 de julho de 2016. Início 08 de agosto.
http://www.supera.senad.gov.br/mv1/custom/sup10/inscricao.php

segunda-feira, 4 de julho de 2016

FILMES PARA TRABALHAR EM SALA DE AULA

FILMES PARA TRABALHAR EM SALA DE AULA


ABAIXO UM LISTA BEM GRANDE DE FILMES (67 FILMES) QUE PODEM SER TRABALHADOS EM SALA DE AULA ABORDANDO DIVERSAS DISCIPLINAS E TEMÁTICAS.
FILMES
·                     CRASH - NO LIMITE (Crash, EUA, 2005). Direção: Paul Haggis. Elenco: Sandra Bullock, Brendan Fraser, Matt Dillon. 112 min
Temas abordados: Relacionamentos e vida em sociedade em grandes centros urbanos, Poder, Polícia, Racismo, Terrorismo e Preconceito, Tráfico de pessoas, precarização das estruturas.
·                     DIÁRIOS DE MOTOCICLETA (The Motorcycle Diaries, EUA, 2004). 128 min.
Direção: Walter Salles. Elenco: Gael García Bernal, Rodrigo de Ia Serna, Susana Lanteri.

·                     CRIANÇA, A ALMA DO NEGÓCIO, Direção Estela Renner, Produção Executiva Marcos Nisti, Maria Farinha Produções. Duração: 49 m
"Por que meu filho sempre me pede um brinquedo novo? Por que minha filha quer mais uma boneca se ela já tem uma caixa cheia de bonecas? Por que meu filho acha que precisa de mais um tênis? Por que eu comprei maquiagem para minha filha se ela só tem ...
 ·                     O NOME DA ROSA (The Name of the Rose, Ale/Fra/Ita, 1986). Direção: Jean Jacques Annaud. Elenco: Sean Conery, F.Murray Abraham, Cristian Slater. 130 min.
Mortes estranhas ocorrem num mosteiro, localizado na Itália, durante a Idade Média. A chegada de um monge franciscano, incumbido de investigar os casos, mostrará o verdadeiro motivo dos crimes, resultando na instalação do Tribunal da Santa Inquisição 

DANTON, O PROCESSO DA REVOLUÇÃO (Danton, Fra/Polônia, 1982). Direção: Andrzej Wajda. Elenco: Gérard Depardieu, Wojciech Pszniak. 131 min .No período popular da Revolução Francesa, instala-se o "terror", quando ocorre a radicalização revolucionária dos jacobinos, liderados por      Robespierre. Danton, outro líder revolucionário, critica os rumos do movimento, tomando-se mais uma vítima

Lista completa no link abaixo:

Como incentivar a leitura

                             Existem várias dicas para incentivar a leitura nas crianças.Uma boa ideia para os pais é desenvolver atividades nas próprias famílias para promover a leitura entre as crianças. Isso porque ela estimula a criatividade e a imaginação; favorece novas aprendizagens; e contribui para que a criança amplie o seu vocabulário, adquira cultura, melhore a escrita, e desenvolva a capacidade crítica. Além disso, a leitura melhora o desempenho da criança na escola, por ser fundamental em todas as disciplinas. Se uma criança não souber ler e interpretar um problema matemático, por exemplo, com certeza, enfrentará dificuldades.

“Do ponto de vista do desenvolvimento, a criança deve se alfabetizar até no máximo oito anos de idade. Esse é o momento ideal. Se não estiver alfabetizada até esse momento, ela, muito provavelmente, começará a enfrentar dificuldades na escola”, afirma a especialista do Observatório Educacional da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Ana Luiza Amaral. 
REALIDADE BRASILEIRA – Dados de 2012 do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (PISA), coordenado pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), revelam que 49% dos estudantes brasileiros na faixa dos 15 anos apresentam baixo desempenho em leitura. Nesse mesmo sentido, estudo realizado pelo Movimento Todos pela Educação evidenciou que apenas 44,5% das crianças que concluíram o 3º ano do ensino fundamental apresentam uma aprendizagem adequada em leitura (Prova ABC, 2012). Na opinião de Ana Luiza Amaral, “o alcance da meta 5 assumida pelo Governo Brasileiro, no Plano Nacional de Educação (PNE), de garantir, nos próximos 10 anos, a alfabetização de todas as crianças, no máximo, até o final do 3º ano do ensino fundamental, é muito importante para reverter esse quadro”.
A leitura precisa se tornar um hábito e, para isso, é preciso que ela faça parte da rotina da família. Para ajudar pais, Ana Luiza Amaral, que é doutora em Educação pela Universidade de Brasília (UnB), sugere algumas estratégias que podem ser adotadas antes, durante e depois da alfabetização. Confira abaixo:

Antes da alfabetização
1.    É fundamental possibilitar à criança entrar em contato com os livros desde cedo. A criança pequena precisa brincar, manusear, tocar o livro. Hoje, as editoras oferecem uma infinidade de livros diferenciados com material apropriado para essa idade, como livros de plástico, com texturas diferentes, maleáveis e coloridos. É importante que os pais levem as crianças a bibliotecas, feiras de livros, bancas de jornais, espaços onde a criança possa ter contato com os livros.
2.    Perceber o interesse dos adultos em relação à leitura favorece o interesse da criança. Se os pais gostam de ler e têm esse hábito, o comportamento influencia a criança e contribui para que ela também desenvolva o gosto pela leitura.
3.    É essencial ler para as crianças. O interesse pela leitura começa nesse vínculo, nessa troca. A criança entra no universo das histórias, se envolve, se encanta e começa a desenvolver o desejo de se apropriar da leitura, de se tornar um leitor.
4.    Além de ler, é muito importante conversar com a criança sobre a história. Perguntar sobre o que ela entendeu, sobre qual personagem gostaria de ser, se ela daria um final diferente. Ler é muito mais do que decodificar, dar um som para letras, ler é construir sentido, é encontrar significado. Ao conversar sobre o que leu, a criança pensa, reflete, e desenvolve a sua capacidade de compreensão.
5.    Os livros devem ser organizados em um local de fácil acesso para as crianças, como em baús ou estantes baixas, que possibilitem a sua busca, quando elas quiserem. Os livros devem ficar como “doces”, disponíveis para serem saboreados a qualquer momento.

Durante a alfabetização

1.    Incentivar a leitura em conjunto: a criança lê uma parte e os pais, outra, até que ela tenha fluência para ler um livro inteiro sozinha.
2.    No início do aprendizado da leitura, oferecer livros com muitas imagens e pouca escrita e, aos poucos, ir aumentando a quantidade de escrita conforme o desenvolvimento da criança. Quando a criança tem um desafio para além do que está preparada, pode ficar desestimulada. É importante oferecer livros de acordo com a faixa etária da criança e com seu nível de leitura.
3.    Incentivar a criança a ler nos jornais temas do seu interesse. Existem cadernos especiais para as crianças.
4.    Estimular a leitura para além dos livros, jornais e revistas. Chamar a atenção da criança para placas, outdoors, para tudo que está a sua volta. Mostrar a importância da leitura para a compreensão do mundo.
5.    Promover atividades que envolvam a leitura. Por exemplo, a culinária. Incentivar a criança a ler a receita e fazer junto com ela algo que goste muito como brigadeiro ou bolo. É importante que a leitura seja algo prazeroso e não uma obrigação.

Depois da alfabetização

1.    Mesmo depois de a criança aprender a ler, os pais devem continuar lendo para ela, pois a troca afetiva que se estabelece no contato com os livros favorece o envolvimento com a leitura.
2.    É interessante estimular a criança a inventar histórias e criar os próprios livros.
3.    Incentivar a troca de livros entre amiguinhos, primos, vizinhos da criança para favorecer o contato com uma diversidade maior de títulos.
4.    Familiarizar a criança com diferentes gêneros literários.
5.    Dosar o tempo de leitura para não sobrecarregar a criança e deixar sempre um gostinho de quero mais.

Volta às aulas

Uma atividade legal para aplicar com os alunos do ensino fundamental I